Solidariedade antes da folia

O bloco Sangue Bom, da Fundação Hemocentro, vai lembrar aos doadores a importância de praticar o ato voluntário antes de cair na folia. Nos dias de carnaval, os foliões costumam ingerir bebidas alcoólicas, dormir menos e descuidar da hidratação e da alimentação, o que impede a doação de sangue. No Facebook, Instagram e Twitter, o Hemocentro veiculará campanha com o mote “Certas coisas não podem faltar no carnaval. Sangue é a principal delas”. As peças retratam os diferentes ritmos presentes na folia. Já os adereços e instrumentos musicais simbolizam o estoque baixo.
Com o apoio de doadores regulares de sangue e de cidadãos que praticam o gesto solidário antes dos festejos, não houve queda considerável nas doações no Hemocentro em 2018. A expectativa é repetir esse quadro e zelar pelos níveis seguros este ano.

O estoque estratégico mantido pela Fundação é planejado para abastecer toda a rede pública do DF e hospitais conveniados por um período de quatro a sete dias, dependendo do hemocomponente. Atenção maior é dada às plaquetas, que têm validade de apenas cinco dias. O monitoramento para manter os níveis seguros é feito diariamente e divulgado no site do Hemocentro.

Quem pretende doar pode agendar pelo telefone 160, opção 2. O agendamento é opcional e dá direito à senha preferencial no horário marcado. Sextas-feiras e sábados são os dias de maior movimento. Para condições e impedimentos mais comuns à doação de sangue, clique aqui ou acesse o menu Quero Doar > Doação de sangue. No feriado de carnaval, o Hemocentro funcionará nos seguintes horários:
Sábado (2): das 7h às 18h
Segunda (4): das 7h às 13h
Terça (5): fechado.
Quarta (6): das 14h às 18h
O Hemocentro não abre aos domingos.

Deixe um comentário