Sinpro-DF oferece sede para receber pacientes da Covid-19

Diretora do Sindicato dos Professores no Distrito Federal (Sinpro-DF), Rosilene Corrêa. Foto: Júlio Pontes

Depois de o empresário Paulo Octavio disponibilizar o hotel Brasília Palace o Governo do Distrito Federal receber pacientes acometidos pela covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, o Sindicato dos Professores do DF ofereceu sua sede, no Setor de Indústrias Gráficas (SIG) do Plano Piloto para a mesma finalidade.

O Sinpro-DF, que tem mais de 20 mil filiados, encaminhou ofício à chefe de gabinete do governador Ibaneis Rocha (MDB), Juliana Monici, colocando-se “à disposição para enfrentar essa pandemia em curso no nosso País e no planeta”, diz o documento assinado pela diretora Rosilene Corrêa.

“Em um momento de crise como assistimos a que nos apresenta neste momento, o Sindicato dos Professores no DF vem disponibilizar sua estrutura física, para que o Poder Executivo distrital tenha várias opções de espaços na luta contra a covid-19”, informa o ofício.

A sede do Sinpro no SIG, que poderá fazer parte da “corrente do bem” no combate à pandemia, tem cerca de 2 mil metros quadrados de área construída, dois pavimentos, amplo auditório, estacionamento interno e refeitório. Caso venha a ser usada como hospital de campanha, estima-se que poderá receber aproximadamente 100 paciente

Deixe um comentário