Polícia prende dono da marca Dolly

Uma operação deflagrada pelo Ministério Público e pela Polícia Civil prendeu hoje (10) o empresário Laerte Codonho, um dos proprietários da empresa de refrigerantes Dolly. Ele foi detido em sua casa na Granja Viana, em Cotia, na Grande São Paulo. Segundo o Ministério Público, a acusação é de fraude fiscal e lavagem de dinheiro.

Codonho teve a prisão temporária decretada e foi levado, junto com outra pessoa, cujo nome não foi informado, para o 77º Distrito Policial.

Em nota, a Dolly disse que é “injusta” a detenção do empresário. “Laerte Codonho sempre colaborou com as autoridades, e tem certeza que provará sua inocência. A defesa recorrerá da decisão e confia na Justiça”, diz o comunicado.

Deixe um comentário