Natal: 450 mil pessoas devem antecipar compras no DF

Entre hoje (6) e domingo (9), 450 mil consumidores devem ir às lojas de entrequadras e de shoppings no Distrito Federal para antecipar as compras de fim de ano.

O motivo é que a primeira parcela do 13º salário foi paga no último dia 30. O abono de Natal injetará até o próximo dia 20, quando será liberada a última parcela, R$ 7 bilhões 650 milhões na economia local, o que representa R$ 100 milhões a mais em relação ao mesmo período de 2017.

O presidente do Sindicato do Comércio Varejista – Sindivarejista -, Edson de Castro, disse hoje que os mais de 30 mil lojistas do DF “estão otimistas porque tem-se aqui o maior 13º salário do país, em decorrência da renda per capita: R$ 4.280”.

As vendas para o Natal devem subir entre 5% e 6% contra 3,5% do ano passado, mas há setores que podem surpreender atingindo até 12%, como de roupas, brinquedos e calçados.

“Os juros e a inflação caíram e isso eleva o poder de compra. Além disso, as formas de pagamento estão mais elásticas para estimular o consumo”, argumenta Edson.

Shoppings apostam em premiação para vender mais

Edson de Castro observa que os shoppings do DF investiram R$ 15 milhões em sorteios de carros, publicidade e decoração para atrair consumidores de todas as idades. “Daqui até o dia 24 o comércio funcionará em todos os dias, inclusive, aos domingos”, afirmou.

O gasto médio por consumidor na hora de presentear deve subir dos R$ 190 para R$ 210. Os cartões de crédito lideram as formas de pagamento, sendo responsáveis por 95% do faturamento do comércio.

Pesquisa indica que 21% dos que recebem o 13º vão usá-lo para quitar dívidas porque querem sair da negativação.

Neste fim de ano, como chove quase que diariamente no DF, lojas de rua torcem para que o mau tempo diminua, o que irá aumentar as vendas do setor. Com chuva, a maioria dos consumidores vai aos shoppings que têm estacionamentos cobertos.

Fonte:

Deixe um comentário