Mercado melhora humor e agora prevê crescimento maior do PIB em 2014, diz Focus

Analistas e investidores do mercado financeiro consultados pelo Banco Central elevaram a previsão de crescimento da economia brasileira neste ano, de 1,63% para 1,65%, segundo dados da pesquisa Focus, divulgada nesta segunda-feira (28). Para 2015, a estimativa de expansão se manteve em 2,00%.

A previsão de inflação também melhorou, depois de sete semanas em elevação. Agora, o mercado acredita que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) será menor que 6,51%, atingindo 6,50%, que é o teto da meta de inflação definida pelo governo para este ano.

Para o IPCA em 12 meses, a projeção caiu pela segunda semana, agora de 6,07% para 6%. A média das estimativas para a inflação em 2015 ficou em 6% e a projeção para abril também se manteve em 0,80%.

A previsão das cerca de 100 instituições financeiras consultadas pelo Banco Central para o Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) em 2014 recuou de 7,35% para 7,34%. O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), que corrige os contratos de aluguel, seguiu estável em 7,20%.

Há quatro semanas, a previsão do mercado para 2014 era de alta de 7,03% para o IGP-DI e de 7,18% para o IGP-M. Para 2015, a projeção para o IGP-DI e IGP-M se mantém em 5,50%.

Os economistas elevaram levemente a mediana da inflação dos preços administrados (tarifas públicas), de 4,70% para 4,75% neste ano, e de 6% para 6,03% em 2015. A projeção para a produção industrial prevê um aumento de 1,40% em 2014. Para 2015, caiu de 2,95% para 2,65%.

Fonte:

Deixe um comentário