Lançado o 1º Prêmio Saúde Cidadã

Dinheiro dos prêmios deve ser investido nas unidades. 1º lugar receberá R$ 200 mil. Imagem: Reprodução

Iniciativas da população em parceria com servidores para melhorar o ambiente e superar os desafios encontrados na rotina das unidades básicas de saúde (UBS) do Distrito Federal serão reconhecidas pelo 1º Prêmio Saúde Cidadã. Mutirões e ações que tenham como base a participação da comunidade estão aptos a concorrer. Os projetos têm de fazer parte da atenção primária à saúde.

“Uma unidade que teve um problema na estrutura, mas que a população se uniu para consertar ou um cadastramento na Estratégia Saúde da Família com o envolvimento da sociedade são exemplos que a gente vê na rede pública”, explica Bruno Rolim, chefe da Unidade Setorial de Transparência e Controle Social da Secretaria de Saúde. O Prêmio Saúde Cidadã é organizado em parceria com a Controladoria-Geral do DF. O edital foi publicado na segunda-feira (14) no Diário Oficial do Distrito Federal.

Investimento

Dez projetos vão ser premiados com dinheiro — que deverá ser investido nas unidades. Ao todo, serão R$ 825 mil, assim distribuídos:

  • Primeiro lugar: R$ 200 mil
  • Segundo lugar: R$ 150 mil
  • Terceiro lugar: R$ 100 mil
  • Quarto lugar: R$ 75 mil
  • Do quinto ao décimo: R$ 50 mil para cada um

Os três primeiros colocados também terão as iniciativas incubadas na Rede de Inovação da Secretaria de Saúde, laboratório que visa disseminar projetos inovadores na pasta. A ideia é que sirvam de modelo para outros pontos da rede.

As inscrições podem ser feitas até 10 de junho. Um comitê da secretaria vai escolher os dez melhores com base em pontuações adotadas no regulamento. Os projetos serão apresentados à população, que vai votar nas melhores práticas. A premiação está prevista para 6 de julho.

Inscrições para o 1º Prêmio Saúde Cidadã

Até 10 de junho

Pela internet

Data prevista da premiação: 6 de julho

Deixe um comentário