Jovens do sistema socioeducativo são aprovados na ETB

Oito adolescentes que cumprem medida socioeducativa em unidades de internação do Recanto das Emas foram aprovados na Escola Técnica de Brasília (ETB) e começam a frequentar as aulas no próximo dia 3. Para incentivar os jovens, a Secretaria da Criança realiza, nesta quinta-feira (30), às 9h, a entrega simbólica de um certificado aos aprovados.

 

O pedagogo Gustavo Monteiro explicou que os adolescentes estudam dentro da unidade de internação e sempre são estimulados a participar de processos seletivos como esse. Uma equipe pedagógica dá suporte com o que for necessário, como realizar a inscrição e requerer abono de valores de matrículas, além de solicitar aos órgãos competentes que os interessados façam a prova dentro da unidade.

 

Os jovens aprovados para a ETB estão cursando o segundo ano do Ensino Médio e receberam aulas de reforço em português na semana anterior à seleção. “Um professor da Escola Técnica também foi convidado para fazer uma palestra motivacional para os adolescentes antes da prova para incentivá-los a participar da seleção”, contou Monteiro.

 

“Esta é uma excelente oportunidade para os adolescentes, porque poderão aprender uma profissão e conseguir vagas no mercado de trabalho. É o resultado do processo de ressocialização que a Secretaria (da Criança) desenvolve nas unidades de internação”, afirmou a secretária da Criança, Rejane Pitanga.

 

Dos aprovados, cinco farão o curso de Técnico em Telecomunicações, um fará Eletrotécnica, e dois cursarão Técnico em Eletrônica.

 

Quatro dos adolescentes cumprem medida de internação na Unidade de Saída Sistemática (UNISS) e os demais, na Unidade de Internação do Recanto das Emas (Unire) –  estes, segundo o pedagogo Monteiro, também podem fazer os cursos fora, na própria instituição de ensino, basta terem autorização judicial.

Fonte:

Deixe um comentário