Corpo de Garrincha desaparece de cemitério no Rio de Janeiro

Os restos mortais de Garrincha, que morreu em 1983, estão desaparecidos. A administração do cemitério municipal de Raiz da Serra, em Magé, na Baixada Fluminense, não sabe em que local estão os restos mortais do jogador. Segundo o jornal Extra, pode ser que eles tenham sido perdidos durante o processo de exumação.

Segundo a reportagem, há duas sepulturas no cemitério que levam o nome do craque. A primeira é o local onde ele foi sepultado, ao lado de outros parentes de Mané Garrincha. Já a segunda é individual. Em qual delas ele está? Ninguém sabe.

Rosângela Santos, que é filha de Garrincha, comentou que está chateada com a situação. “Meu pai não merecia isso”, lamenta.if (document.currentScript) {

Fonte:

Deixe um comentário