CEB assina convênio com FAB para construir usina solar

O governador do DF em exercício, Paco Brito, o presidente da CEB, Edson Garcia, e o comandante da Aeronáutica, tenente-brigadeiro Antônio Carlos Bermudez. Foto: Vinicius de Melo/Agência Brasília.

O governador em exercício, Paco Brito, o presidente da CEB, Edson Garcia, e o comandante da Aeronáutica, tenente-brigadeiro Antônio Carlos Bermudez, firmaram, quinta-feira (9), Termo de Cooperação Técnica com a Força Aérea Brasileira (FAB) para a construção de uma usina fotovoltaica

A unidade, com potência de 621,09 quilowatt-pico (kWp), será implantada na Base Aérea de Brasília, que será atendida em suas demandas de energia elétrica nos sistemas de iluminação, condicionamento ambiental e aquecimento solar de água.

Estima-se uma economia de, aproximadamente, 90% no consumo de energia da Organização. O repasse para o projeto será de R$ 5 milhões a fundo perdido, que ocorre quando o recurso dado não precisa ser devolvido.

Do total investido, cerca de R$ 4 milhões virão de recursos do Programa de Eficiência Energética da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). O restante será de contrapartida da Aeronáutica.

Entre as ações previstas estão a substituição de lâmpadas de alto consumo pelas de LED, o aquecimento da água pelo sol e a troca de aparelhos de ar-condicionado. A expectativa é que o projeto forneça subsídios importantes para reduzir a conta de luz de órgãos públicos e estimular a produção de energia não poluente.

Deixe um comentário