Brasília Capital lançou Ibaneis Rocha

A edição 333 do Brasília Capital trouxe, com chamada de capa, entrevista com o agora líder nas pesquisas de intenção de voto ao GDF, Ibaneis Rocha

Na edição 333 deste Brasília Capital, que circulou com data de capa de 14 a 20 de outubro de 2017, publicamos a primeira entrevista do então pré-candidato a governador do DF Ibaneis. À época, o outsider não estava filiado a nenhum partido político, mas negociava com vários, incluindo o PDT, de Joe Valle; o PPS, de Cristovam Buarque; o PTB de Alírio Neto; e outras legendas nanicas, como o PHS e o PRB. Seis meses depois, Ibaneis assinou a ficha de filiação ao MDB de Tadeu Filippelli.

Naquela primeira entrevista concedida a um veículo de comunicação como pretendente ao Palácio do Buriti nas eleições de 2018 – confira no print do blog do jornalista Hélio Doyle do dia 17 de outubro do ano passado – o ex-presidente da OAB-DF antecipou ao editor Orlando Pontes que “Rollemberg não vai ganhar por W.O.”. Ele fazia uma alusão às vitórias de Agnelo sobre Weslian Roriz, em 2010, devido ao afastamento de Joaquim Roriz da disputa; e do próprio atual governador contra Jofran Frejat em 2014, após o afastamento de José Roberto Arruda devido a problemas com a Justiça.

Hélio Doyle deu os créditos ao Brasília Capital

Na quinta-feira (5) pela manhã, tendo em mãos o resultado da pesquisa Ibope que o aponta como líder – 34% das intenções de voto contra 17% da segunda colocada, Eliana Pedrosa (Pros), e 10% de Rollemberg (PSB) – Ibaneis voltou a conversar com a reportagem do Brasília Capital. E analisou, com humildade, o cenário que o coloca virtualmente como o próximo governador do Distrito Federal. “A população aguarda algo de novo, mas de alguém que tenha experiência para governar a cidade”, aposta.

Após dois meses de campanha, Ibaneis diz que tem recebido muito carinho da população. “Conversamos com todos os segmentos da sociedade – médicos, educadores, pessoal da segurança, servidores públicos, setor produtivo e sindicatos – para ouvir suas demandas e definir as prioridades do nosso governo”, garante. O emedebista também esteve em todas as regiões administrativas do Distrito Federal. “Há um sentimento de mudança, de renovação. Nós estamos levando esta esperança às pessoas”, diz ele.

Quanto às acusações de adversários de que estaria abusando do poder econômico, Ibaneis Rocha também se mostra seguro e tranquilo. “Sou advogado e conheço a legislação. Estou cumprindo a lei e gastando recursos de meu patrimônio pessoal. Pior fazem os concorrentes que têm patrimônio oculto. Tudo que eu possuo está declarado em meu Imposto de Renda”, arremata.

Fonte:

Deixe um comentário