Aprenda a elaborar um plano de estudos para concursos

Quando ouvimos falar em preparação para concursos públicos, escutamos que para ser aprovado é preciso estudar muito. No entanto, além de estudar, é preciso ter disciplina e fazer direito. Isso significa que não adianta encher a cabeça com um turbilhão de informações sobre todas as disciplinas de uma vez. O que vai aumentar, de fato, suas chances de aprovação é traçar um plano de estudos; e, é claro, seguir rigorosamente o seu roteiro!

concurso 2

Um plano bem elaborado pode, muitas vezes, eliminar entraves como falta de tempo e dificuldades de concentração, entre tantos outros, já que, a partir de então, você estará estudando de forma mais eficiente. Para auxiliar na elaboração do seu plano de estudos, vale a pena seguir oito dicas:

Avalie sua situação atual e estabeleça seu objetivo

Escolha o caminho a seguir analisando todas as possibilidades. Veja os concursos previstos, procure o que melhor se encaixa às suas aptidões e aspirações e defina seu objetivo. Reconheça quais são suas fraquezas e trabalhe para que elas não sejam mais um obstáculo. Depois de pensar em todos os detalhes, veja se isso se aplica à sua rotina e, caso a resposta seja negativa, trabalhe para adaptar esse objetivo ao seu dia a dia.

Defina pequenas metas

As metas devem ser claras e mensuráveis, uma espécie de subdivisão do seu objetivo. Elas são mais específicas, guiam o caminho até o objetivo final e devem ser estabelecidas periodicamente (mensal, semanal ou até mesmo diariamente). Se você não se importar com as pequenas metas, será difícil alcançar o seu objetivo de maneira satisfatória.

Organize o tempo de estudo

Não comece estudando tudo o que vier pela frente: vá com calma. Vá de maneira gradativa, assim, o cérebro assimila melhor a matéria. Comece com uma meta alcançável e aos poucos aumente o tempo de estudo diário, organizando as matérias do edital, separando o material e deixando tudo organizado.

Prepare o local de estudo

Iluminação adequada, silêncio, material organizado, tudo é importante para facilitar o estudo. Procure também utilizar sempre o mesmo espaço e estudar no mesmo horário, criando o hábito de ver aquele ambiente e aquele momento como reservados para sua preparação.

Distribua as matérias

Deve-se distribuí-las em função dos horários disponíveis a cada dia ou semana, a fim de que todas as disciplinas sejam estudadas regularmente. Reserve mais tempo para as que você está menos familiarizado para que o aprendizado seja padronizado em relação às outras.

Fique atento à inclusão de novas disciplinas e fontes de estudo

Com a eventual necessidade de inclusão de novas disciplinas e fontes de estudo no planejamento, abre-se espaço em função da redução do tempo de estudo das disciplinas iniciais (básicas) e do uso das fontes relativas a elas. Em tese, nesse momento você já estará em um nível mais avançado de estudos.

Dê importância às pausas

É importante ter momentos de descanso para que a concentração seja mantida. Reservar um tempo para exercícios físicos é essencial para que se mantenha a produtividade. Além disso, faz parte do planejamento de estudo reservar um dia livre para o lazer.

Teste o que foi aprendido e avalie seu progresso

Faça muitos exercícios e simulados de provas anteriores, verificando o resultado com a finalidade de corrigir seus métodos de preparação para os exames.

Gostou das dicas? Para colocar em prática, acesse simulados para testar seus conhecimentos e verificar não apenas o concurso que tem mais chance de passar, mas também, como está o seu nível em relação ao concurso dos sonhos.

}

Fonte:

Deixe um comentário