Esperança renovada a cada edital

Foto Andre Borges Agência Brasília
Foto: Andre Borges Agência Brasília

A publicação de novos editais e a expectativa de abertura de vagas para cargos públicos aumentaram o número de matrículas em cursos preparatórios para concursos no último trimestre. Na segunda-feira (4), o governador Rodrigo Rollemberg anunciou 2,9 mil vagas na Secretaria de Educação, medida esperada que há um mês por diretores de cursinhos e pelos professores que preparam materiais para os concurseiros. Agora, a preocupação é a abertura de turmas, com base em previsões de matrículas.

Além da Secretaria de Educação, o GDF também publicou na segunda-feira (4) o edital para o concurso do Corpo de Bombeiros, com 779 vagas. A expectativa é que sejam lançados, nos próximos meses, os editais para concursos na Fundação Nacional do Índio (Funai) , Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Controladoria-Geral da União (CGU), Correios, Hemocentro e Polícia Rodoviária Federal, com outras milhares de vagas, a depender do déficit de pessoal de cada um desses órgãos.

A movimentação dos diretores de cursos preparatórios começa bem antes da decisão da abertura dos concursos. No caso da Educação, por exemplo, o déficit de funcionários na rede pública já era um indicador consistente de que um novo certame seria aberto em poucos meses. O plano de carreira e a aposentadoria também são determinantes para arriscar a data de um próximo concurso.

A partir do aumento na procura por cargos públicos, o IMP Concursos, fundado em 2009, fechou oito turmas para a prova de professor de educação básica. Quatro delas já iniciaram suas atividades. O preço varia de R$ 1.500, com 250 horas-aula, a R$ 1.725, com 295 horas-aula. Outras oito turmas, para o mesmo concurso, têm previsão de abertura ainda neste mês de julho.

Com oito unidades de ensino espalhadas por todo o DF, o Gran Cursos também abriu vagas para o curso de professor de educação básica. As aulas começam no dia 25 de julho, em turno matutino, vespertino e noturno. O curso com 265 horas-aula custa R$ 699, em média.

 

Online

Podendo flexibilizar as horas de estudo sem precisar se deslocar para alguma instituição, os alunos têm procurado cada vez mais a plataforma online para aprender o conteúdo programático dos editais. Além da migração de renomados cursos presenciais para o ambiente digital, há quem lecione, apenas, através de vídeos e textos.

O curso online Estratégia Concursos já conta com mais de 200 inscritos para o pacote de aulas para o estudo do edital do concurso dos Bombeiros, que foi disponibilizado há um mês. “Sabíamos que este concurso iria abrir em breve. Por isso, já preparamos o material do último concurso, que ocorreu em 2013. Na ocasião, a banca examinadora foi a IBFC, contudo, já adaptamos para a banca avaliadora da próxima avaliação, que será o Cespe”, disse o coordenador do curso, Victor Dalton.

Para os próximos meses, o coordenador projetou a contratação de funcionários públicos para a Câmara Legislativa e Tribunal de Contas do DF. “Se o governador Rollemberg sancionar o projeto de lei em tramitação na Câmara, novas vagas serão abertas em pouco tempo”, avalia Dalton.

 


Dia da Saúde Ocular traz consultas gratuitas para comunidade


Taxistas ganham aplicativo próprio que será usado nos Jogos Olímpicos


Mães relatam alergia em bebês com novo leite fornecido pelo GDF


Fonte:

Deixe um comentário