Brasil derrota Espanha nos segundos finais

Após terem estreado com derrota nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, Brasil e Espanha se enfrentaram pela segunda rodada do Grupo B, na Arena Carioca 1. A seleção nacional passou boa parte do tempo na liderança, mas sofreram no final e só selaram a vitória por 66 x 65 com uma cesta de Marquinhos a 5 segundos do término do confronto emocionante.

Apoiado pela torcida, o Brasil começou forte. Após ver a Espanha abrir 4 x 0, o time verde e amarelo reagiu e cresceu na partida, após bela cesta de três de Marcelinho Huertas. Depois de um começo de partida em que as duas equipes se estudaram bastante, a Seleção mostrou confiança e abriu cinco pontos de frente: 11 x 6. Dominando a partida, os donos da casa fecharam o primeiro quarto na liderança do placar: 18 x 13.

A boa atuação do Brasil se manteve no segundo quarto. Apesar de abusar das faltas, o que fez a Espanha chegar à linha de lance livre com facilidade e encostar no placar, a Seleção conseguiu manter a liderança do confronto, mesmo vendo os europeus crescerem e venceram a parcial.

O intervalo fez bem aos brasileiros, que, empurrados pela torcida, mostraram um bom sistema defensivo, conseguindo encaixar a marcação na principal estrela do time adversário: Pau Gasol. Com isso, o Brasil colocou sete pontos de frente, 40 x 33, e mostrou que estava disposto a conquistar a primeira vitória nas Olimpíadas.

Antes do final do terceiro quarto, a vantagem brasileira passou para oito pontos, 53 x 45, colocando o País em uma boa posição para a etapa final da partida.

Sufoco

No último quarto, o Brasil começou melhor e abriu 11 pontos de vantagem. Precisando da vitória, a Espanha foi para cima e complicou a vida dos donos da casa. Faltando pouco tempo, os europeus viraram a partida e passaram à frente, abrindo 65 x 63. Com um lance livre, Nenê teve a chance de empatar o duelo, mas errou. A cinco segundos do fim, Marcelinho Huertas infiltrou e Marquinhos, na sobra, fez a cesta que garantiu a vitória brasileira, a primeira no Rio 2016.

As equipes voltam à quadra na próxima quinta-feira (9). Às 14h15, o Brasil enfrenta a Croácia. Já a Espanha duela com a Nigéria às 19h. 

Fonte:

Deixe um comentário