Venezuela: oposição lança manifesto para superar crise política

Coalizão contrária a Chávez, Mesa da Unidade Democrática, prometeu escolher candidato único por consenso no caso de haver novas eleições presidenciais

O secretário executivo da MUD, Ramón Guillermo Aveledo

O secretário executivo da MUD, Ramón Guillermo Aveledo (Carlos Garcia Rawlins / Reuters)
No dia em que simpatizantes ocuparam as ruas de Caracas em apoio ao governo Hugo Chávez, a oposição apresentou um documento com doze objetivos para os próximos meses. O primeiro ponto, sobre o “respeito à Constituição”, é uma crítica à manobra chavista para adiar por tempo indeterminado a posse de Chávez, que deveria ter sido realizada no dia 10. O presidente está internado desde 10 de dezembro em Havana, Cuba, onde foi submetido à quarta cirurgia para combater um câncer. 
A manifestação dos chavistas ocorre na data que marca o fim da ditadura de Marcos Pérez Jiménez, em 1958. A oposição também tinha planejado um protesto para esta quarta-feira, mas cancelaram a manifestação depois do partido governista PSUV conclamar seus partidários a tomar as ruas da capital no mesmo dia. Optaram por realizar uma cerimônia restrito ao Parque Miranda, no leste de Caracas.
Fonte: Veja Online
Sites e Blogs

Deixe um comentário