Vamos falar sobre Whey Protein?

O suplemento mais querido entre nutricionistas e praticantes de exercício físico, sem dúvida, é o whey protein, que nada mais é do que um concentrado de proteínas do soro do leite.

Esse suplemento proteico tem um alto valor biológico, ou seja, apresenta todos os aminoácidos essenciais, e também é rico em aminoácidos de cadeia ramificada, os famosos BCAA (do inglês, branched chain amino acids).
Dentre os BCAAs, temos a leucina, que tem tido um destaque na literatura científica por estimular uma via importante para a síntese proteica no nosso músculo.

O whey protein pode ser encontrado na forma concentrada, isolada ou hidrolisada. O whey concentrado deve apresentar pelo menos 80% de conteúdo proteico. Os demais 20% podem ser carboidratos e lipídeos.
No whey isolado e hidrolisado, esse teor já sobe para o mínimo de 90%.
Porém, o produto hidrolisado apresenta aminoácidos livres e dipeptídeos, e tem algumas indicações especificas, além de ser um produto bem mais caro.
O ideal na busca pelo melhor produto é tentar encontrar aqueles chamados de clean label, ou seja, com a menor quantidade possível de aditivos químicos.

Pode parecer difícil encarar um whey sem sabor e sem adoçantes artificiais, mas fica mais fácil se misturarmos com frutas e/ou sucos de frutas.
Na dúvida sobre qual suplemento proteico pode te ajudar na performance? Procure um nutricionista!

Deixe um comentário