União age como agiota em contratos de dívidas com estados e municípios, afirma Haddad

O prefeito de São Paulo afirmou que a União age como agiotas nos contratos das dívidas com estados e municípios. Fernando Haddad espera se encontrar urgentemente com os presidentes da Câmara e do Senado para pedir rápida aprovação do acordo. O texto prevê mudança do indexador da dívida do IGP-DI (Índice Geral de Preços Disponibilidade Interna) mais 9% para Selic ou IPC-A (Índice Geral de Preços ao Consumidor Amplo) mais 4%, o que for menor. 

Fonte: Jornal da Manhã – Jovem Pan SP 
Ao pé do rádio

Deixe um comentário