Turquia aprova o uso do idioma curdo nos tribunais

Turquia aprova o uso do idioma curdo nos tribunais do país

Decisão ocorre apesar de nacionalistas se negarem a aceitar reforma, enquanto os próprios curdos reclamam que medida está muito aquém de suas demandas

Curdos seguram faixa com imagem do líder do PKK, Abdulá Ocalan

Curdos seguram faixa com imagem do líder do PKK, Abdulá Ocalan (Christian Hartmann / Reuters)
Após muito debate, o Parlamento da Turquia decidiu admitir o uso da língua curda nos tribunais do país. A decisão foi tomada na quinta-feira, apesar da forte oposição do partido nacionalista minoritário MHP, que se negou a aceitar as reformas. Mesmo os próprios curdos ficaram insatisfeitos com a medida, por estar muito aquém das suas demandas.
Há anos a sociedade curda reivindicava o direito a se expressar em seu idioma materno diante das instituições oficiais. Até agora, as autoridades turcas haviam resistido a essa demanda, que facilitaria o processo de defesa de centenas de réus membros do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK). O movimento armado é considerado uma organização terrorista por Turquia, Estados Unidos e União Europeia.
Fonte: Reuters
Sites e Blogs

Deixe um comentário