Tráfico animal no DF

Papagaios apreendidos pela polícia ambiental: as aves em geral são os animais preferidos dos traficantes  (Monique Renne/CB/D.A Press)
Papagaios apreendidos pela polícia ambiental: as aves em geral são os animais preferidos dos traficantes

Protegidos pela legislação brasileira, os animais silvestres têm sido vítimas de crimes ambientais recorrentes no Distrito Federal. Apenas em 2012, 2.143 bichos foram apreendidos em situação irregular nas regiões administrativas do DF, segundo levantamento do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) elaborado a pedido do Correio. O órgão estima ainda que, no ano passado, cerca de 500 pessoas tenham sido conduzidas a delegacias em Brasília por delitos contra diferentes espécies da fauna brasileira, especialmente comercialização e criação sem licença.
A estimativa da polícia é de que, em 2011, outras 200 pessoas tenham sido autuadas por crimes contra os animais silvestres no Distrito Federal. Naquele ano, os militares recolheram 3.096 aves, mamíferos, répteis e invertebrados em situação irregular na região. Apreensões fruto de várias denúncias dos moradores — o batalhão recebe, por dia, de seis a oito chamadas relativas a venda, maus-tratos ou posse ilegal de bichos.
Fonte: Correio Braziliense
Extratos dos Jornais

Deixe um comentário