TJDFT absolve Arruda da acusação de dispensa indevida de licitação

A terceira turma criminal do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) absolveu, em segunda instância, o ex-governador José Roberto Arruda nesta quinta-feira (19/12). Ele era acusado de crime de dispensa indevida de licitação para reforma do Ginásio Nilson Nelson.#Arruda chega para depoimentos dos envolvidos na Operação Caixa de Pandora

De acordo com o desembargador João Batista, Arruda não agiu com dolo ao dispensar licitação. “O MP não provou prejuízo aos cofres públicos. Pelo contrário, houve economia de recursos”, afirmou.

Fonte:

Deixe um comentário