Tentação – a prova que derruba

A Terra é uma escola, e como em toda escola, há os momentos de prova. As provas acontecem em cima de suas fraquezas e em momentos de fragilidade. Elas se repetirão até você fortalecer-se e superá-las. Em algumas sociedades secretas, quando o discípulo supera a prova,ele é agraciado com uma espada – símbolo de poder –, e muda de grau.

Jesus, simbolicamente, é tentado pelo demônio nas provas de poder e vaidade. Simbolicamente porque um demônio não pode se aproximar de Jesus sem ser destruído. Isso é contado porque Jesus, como representante do processo de crescimento, não podia deixar de exemplificar as várias formas de tentação. Observe-se: onde você se desequilibra com facilidade? É em matéria de sexo? de vaidade? de ambição? vícios? violência? poder? É aí que você será testado.

Siga com o Mestre Jesus: vigiai e orai para não entrardes em tentação. Se a sua fraqueza for pelo poder, você poderá ser corrompido, não pelo poder em si, mas porque você é corrupto em potencial, logo, as sementes da corrupção e da injustiça estão em seu ser. Elas apenas brotam porque você encontra, pela Lei de Atração, pessoas e lugares onde possa realizar o ser corrupto que você é.

Se a sua fraqueza é sexual, você atrairá pessoas com a mesma fraqueza que poderão atingir sua vida profissional, familiar e espiritual. A prova da tentação sexual é a que mais derruba políticos, espiritualistas e pessoas de sucesso. 

Já a prova da vaidade derrubará, principalmente, os ingênuos, complexados ou deslumbrados. Gente atrás de fama e holofotes. Nesta prova,é preciso muita atenção com os elogios recebidos. 

Não obstante, se você for correto e consciente, pela Lei de Atração, encontrará pessoas e lugares dignos onde possa viver, trabalhar, cumprir sua missão com muita gente lhe ajudando. A vida é plantação e colheita. Você é livre pra plantar, mas é escravo da colheita.

Aprenda com os Mestres Paulo e Chico Xavier, respectivamente: “Eu venci o bom combate, guardei a fé”; “Eu sou feliz; eu fiz todos os meus deveres de casa”.  

Deixe um comentário