Temer é o presidente que menos viajou ao exterior desde Itamar, diz BBC

A China foi um dos poucos países que Temer visitou em um ano de governo. Foto: Getty Imagens

Pesquisa divulgada pela BBC Brasil nesta quarta-feira (17) mostra que Michel Temer foi o presidente que menos cumpriu agendas no exterior desde Itamar Franco (1992-1994), que, por sua vez, também assumiu o governo após um impeachment, o de Fernando Collor, em 2 de outubro de 1992.

Para especialistas, o momento negativo pelo qual passa o país acaba inibindo a chamada “diplomacia presidencial”, na medida em que reduz o prestígio do Brasil no exterior e exige maior dedicação de Temer aos problemas domésticos.

“É um governo singular, pois é curto e tem uma agenda limitada e pragmática: aprovar reformas econômicas. Isso deixa a política externa em segundo plano”, afirma o professor de relações internacionais da FGV Oliver Stuenkel.

As viagens de Temer realizadas até agora se concentraram no período final do ano passado – foram três para participar de eventos multilaterais (G20, na China; BRICS, na Índia; e Assembleia da ONU, nos EUA) e três visitas oficiais a outros países (Argentina, Paraguai e Japão). Já em 2017 ele fez apenas uma viagem, que não estava programada, para participar do velório do ex-presidente de Portugal Mário Soares, no início de janeiro.

Sendo assim, Temer caminha para completar cinco meses sem sair do país, já que sua próxima viagem está prevista apenas para meados de junho, quando deve visitar Noruega e Rússia. Isso não acontecia desde 1992, quando Collor chegou a ficar seis meses sem cumprir agenda internacional.

Leia a íntegra da matéria da BBC Brasil}

Fonte:

Deixe um comentário