Telematrícula para novos alunos da rede pública começa dia 2 de outubro

Matrículas serão feitas para alunos do 1º período da educação infantil ao terceiro ano do ensino médio. Foto: Divulgação

 

 

O período de telematrícula para novos alunos da rede pública no ensino regular — do primeiro período da educação infantil ao terceiro ano do ensino médio — começa na próxima segunda-feira (2 de outubro). A solicitação deverá ser feita até 23 de outubro, pela opção 2 da Central 156. O serviço por telefone funcionará das 7h às 21 horas, de segunda a sexta-feira; e das 8h às 18 horas, em fins de semana e feriados.

É necessário informar nome completo, data de nascimento e cadastro de pessoa física da criança, a série que vai estudar em 2018 e o CEP da residência ou do trabalho do responsável (o número servirá para determinar a escola onde o candidato será alocado). Para se inscrever na educação de jovens e adultos (EJA), o prazo será de 24 a 31 de outubro. Além de dados pessoas básicos, como nome e data de nascimento, o interessado precisa fornecer o CEP da residência ou do próprio local de trabalho, ou o do responsável (no caso de o aluno ter menos de 18 anos).

Documentos

As inscrições de novos estudantes com deficiência poderão ser feitas de 2 a 13 de outubro, nas coordenações regionais de ensino. Os documentos exigidos são os mesmos da telematrícula, com o adicional do laudo que ateste a deficiência do candidato. Quem já estuda na rede pública deve ficar atento para renovar a matrícula de 2 a 13 de outubro. O período para solicitar o remanejamento (troca de escola) é de 23 de outubro a 3 de novembro. Em ambos casos, o interessado deve procurar a secretaria da própria unidade de ensino.

Pais e responsáveis que prefiram inscrever os filhos na rede pública pela internet podem fazê-lo a partir desta segunda (25), no site da Secretaria de Educação. A alternativa vale para vagas na educação infantil, ensino fundamental e médio. Assim como para a telematrícula, o prazo acaba em 23 de outubro. Veja o passo a passo. Considerando o volume do ano passado, a expectativa da Educação é receber cerca de 40 mil pedidos de matrículas, somados os dois canais. O resultado será publicado em 20 de dezembro, a partir das 17 horas, na página da pasta.

A efetivação da matrícula e o preenchimento de vagas remanescentes, que geralmente ocorrem em janeiro, dependem ainda da aprovação do calendário escolar para o próximo ano. A recomendação da pasta é que, depois da divulgação do resultado, estudantes e responsáveis fiquem atentos a essa informação, que também estará na página da secretaria na internet.

Deixe um comentário