TCDF libera construção de novas UPA’s

O governador Agnelo Queiroz determinou hoje a construção imediata de mais seis Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs), para serem concluídas antes do fim do ano e atender às regiões da Asa Norte, Ceilândia, Taguatinga, Sobradinho II, Gama e Planaltina.

Após a decisão do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) de liberar essas obras, o GDF poderá atender aproximadamente três mil pessoas por dia nas regiões que serão beneficiadas.

As unidades em Ceilândia, Taguatinga e Sobradinho II são as mais adiantadas, com canteiro de obras preparado.

De acordo com o secretário de Saúde, Rafael Barbosa, além das seis UPAs, outras quatro serão construídas no segundo semestre deste ano. “A continuação das obras é a retomada do principal projeto da atual gestão na saúde, que é esvaziar as emergências”, afirmou.

Com cada UPA, cerca de 500 pessoas por dia deixam de ir ao hospital porque mais de 90% dos casos atendidos são resolvidos nas unidades.

UPA – Cada unidade possui 10 leitos para casos de urgência e emergência, nas especialidades de pediatria e clínica médica, e 10 leitos de observação.

A equipe de atendimento tem de quatro a seis profissionais, entre médicos, enfermeiros, auxiliares e nutricionistas.

Fonte:

Deixe um comentário