Taguatinguenses pedem passagem

Pré-candidatos Taguatinga

Pessoas tradicionais de Taguatinga irão disputar os mesmos eleitores nas próximas eleições. O Brasília Capital ouviu quatro prováveis candidatos a deputados distritais que pretendem representar a cidade. As figuras são figuras conhecidas e fazem parte da política local direta ou indiretamente.

REDE – O presidente da Associação Comercial de Taguatinga, Justo Magalhães, se filiou à Rede Sustentabilidade em fevereiro, a convite do distrital Chico Leite e se afirmou como pré-candidato. Para Justo, o candidato precisa conhecer, participar e saber todos os problemas da cidade, porque assim, segundo ele, “fica mais fácil resolver as demandas da população”.

PSB – Marlon Costa (PSB), ex-administrador de Taguatinga, sempre foi homem de confiança de Rollemberg. Depois que perdeu o posto em virtude de acordos políticos, a pré-candidatura de Marlon tomou corpo. Visita obras, representa o governador em eventos, usa e abusa das redes sociais. Ele afirma que a cidade tem potencial para eleger até três deputados que devem “explorar mais o potencial de Taguatinga”.

PTB – O ex-deputado Washington Mesquita (PTB) lançou pré-candidatura no último final de semana em Taguatinga, cidade que o elegeu para Câmara Legislativa, de 2011 a 2014. Segundo ele, agora com um grupo mais coeso, quer trabalhar “ainda mais” para dar boas condições para sua cidade. Ele afirma que o candidato da cidade deve “priorizar o comércio, principalmente nas praças do D.I, Bicalho, Vila Dimas e Vila Matias”.

PP – Filha de Benedito Domingos, uma das figuras mais emblemáticas de Taguatinga, Bena Domingos (PP) pode estar na CLDF em 2019. Para ela, um representante da cidade tem a “obrigação de representar sua comunidade junto ao governo”. Bena quer definir antigas demandas dos moradores da região administrativa como a área do Taguaparque, a poligonal e a reestruturação do Centro.

Deixe um comentário