Servidores da CEB encerram greve após 12 dias

Os servidores da Companhia Energética de Brasília (CEB) aceitaram a proposta da empresa e, nesta quinta-feira (16), encerraram a greve que durava 12 dias. Os trabalhadores terão reajuste de R$ 140,96 nos salários, abono de metade dos dias parados e aumento no vale alimentação para R$ 1,3 mil. O acordo foi feito em audiência no Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (TRT-10).

Os pedidos de emergência por problemas na rede elétrica chegaram 3 mil, em função de um temporal e da paralisação da categoria. Com isso, algumas ocorrências foram ignoradas. Na semana passada, por meio de liminar, o presidente do TRT, desembargador Pedro Luis Vicentin, determinou que os empregados atendessem todos os chamados relacionados a problemas emergenciais.

Deixe um comentário