Sérgio Moro pede pra sair

O ministro da Justiça Sérgio Moro pediu afastamento do cargo de 15 ao dia 19 de julho. O pedido ocorre em meio à divulgação de conversas entre ele e o procurador da Lava Jato, Deltan Dallagnol, que podem ter interferido no curso da operação.

A assessoria de Moro afirmou que o ex-juiz vai tirar férias. Enquanto isso, o secretário-executivo da Justiça, Luiz Pontel de Souza fica no cargo.

Deixe um comentário