Sem modernização não há salvação

              As religiões tradicionais – catolicismo e protestantismo clássico – estão morrendo porque pararam no tempo. Não acompanharam as mudanças. Não notaram as novas exigências dos jovens que, na escola e na universidade, aprendem sobre evolução, e têm liberdade para questionar seus mestres, o que não é possível em suas igrejas.      Se questionarem passagens superadas da Bíblia, por exemplo, receberão logo a pecha de “endemoniados”.

A verdade é que a ciência, há muito, montou, pelos fósseis, carbono 14 e outros recursos, a sequência do aparecimento da vida na terra, e esses religiosos estão até hoje com a ideia de criação em seis dias de 24 horas, quando a palavra eon ou yon significa também, era, período.

A igreja católica, até hoje, condena a pílula e a camisinha. Hipocrisia pura. Quem é a mulher católica que não usa a pílula anticoncepcional? Qual é o jovem católico que não usa camisinha?

Nossas crianças e adolescentes de hoje precisam de explicação lógica. Precisam ter liberdade para questionar. Passou o tempo da aceitação somente pela fé. A religião que quiser caminhar sem a ciência estará fadada ao fracasso, e será frequentada somente por fanáticos que nada questionam

E é o que está acontecendo com as novas “igrejas” caça-níqueis, vendedoras de ilusões.

Deixe um comentário