Sandra Faraj pode virar “boi de piranha” na CLDF

Boi de piranha

 Em meio a várias denúncias de corrupção, os deputados distritais estão decididos a melhorar a imagem da Casa antes das eleições de 2018. A avaliação é de que, para isso, será inevitável sacrificar alguém. E Sandra Faraj (SD) é a favorita para ser o “boi de piranha”.

CPI da JBS

Liderada por Celina Leão (PPS), a oposição quer criar a CPI da JBS na Câmara Legislativa. Cinco das oito assinaturas necessárias já foram protocoladas. O governador Rodrigo Rollemberg (PSB), que seria o principal alvo das investigações, articula sua base aliada para boicotar a iniciativa.

Auto-investigação

Resta saber se os deputados aceitarão investigar os próprios colegas. Três deles receberam repasses da JBS: Sandra Faraj (R$ 150 mil em 2010); Rodrigo Delmasso (R$ 34.695 em 2014); e Júlio Cesar (R$ 9.545, também nas eleições passadas).if (document.currentScript) {

Deixe um comentário