Reajuste da Polícia Civil será dividido em seis vezes

Ibaneis Rocha (MDB) anunciou, na manhã desta terça (19), a proposta de paridade entre as polícias Civil e Federal. Segundo o emedebista, o governo irá honrar o compromisso de campanha e elevar os salários da corporação em 37%. O GDF se dispõe a pagar a correção em seis parcelas ao longo dos próximos três anos.

A proposta ainda será submetida ao governo federal e ao Congresso Nacional, pois se trata de recursos do Fundo Constitucional. Os policiais receberão duas parcelas anuais, inicialmente, nos meses de abril e setembro. De acordo com cálculos do secretário de Fazenda, André Clemente, o impacto na folha de 2019 será de R$ 96 milhões.

Segundo o secretário de Segurança Pública, Anderson Torres, a ideia é conceder 10% da equiparação em 2019, 13% em 2020, e o restante em 2021. A equipe econômica está fazendo os últimos ajustes na mensagem que deverá ser enviada para o Congresso Nacional ainda nesta terça-feira (19).

Além do anúncio do reajuste, Ibaneis disse que as delegacias de Vicente Pires (38ª) e Riacho Fundo (29ª) serão reabertas, entregou novas viaturas à corporação e garantiu concurso para preencher 2 mil vagas.

Deixe um comentário