R$ 200 milhões em 10 dias

Começou na quarta-feira (28) a 11ª edição do Liquida DF. A campanha surgiu após pesquisas da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) que apontavam a necessidade de se criar incentivos no comércio do Distrito Federal. De acordo com o presidente da CDL-DF, Álvaro Silveira Júnior, a expectativa é vender mais de R$ 200 milhões em 10 dias. “A ação impulsiona o comércio no período de baixa entre o primeiro e o  segundo semestres, por falta de datas comemorativas ou grandes eventos que estimulem o consumo dos brasilienses”.

Os índices deste ano foram abaixo do esperado. Devido ao clima de incerteza na economia, 6 mil pessoas foram demitidas entre maio e junho, de acordo com a última Pesquisa de Emprego e Desemprego, da Codeplan. O vendedor Fernando Mourão ressalta “até agora as vendas estão tão ruins que nem consegui bater minhas metas”.

Os descontos oferecidos pelas lojas aos consumidores ficam a critério de cada estabelecimento e variam de 10% a 70%. A jornalista Suênia Dantas afirma que espera a época de liquidação para comprar tudo que precisa. “Economizo no decorrer do ano para nessa época poder comprar mais”.

Também é uma ação que beneficia o Distrito Federal, com o aumento direto na arrecadação de impostos, principalmente o ICMS. O governador Agnelo Queiroz ressalta a importância do aumento das vendas. A campanha promove o crescimento da oferta de trabalho, de qualificação profissional, arrecadação fiscal, desenvolvimento da economia, além de gerar ótimas oportunidades de vendas para o comércio. Todos esses fatores beneficiam o DF como um todo. Desta forma, iniciativas como o Liquida DF sempre terão o nosso apoio”.

A CDL vai sortear cinco caminhões com diversos prêmios e um Renault Fluence zero quilômetro. Nove mil estabelecimentos comerciais do DF e do Entorno se associaram à promoção e serão identificados com cartazes afixados nas próprias lojas.

Fonte:

Deixe um comentário