PSDB representa contra ministério por ‘propaganda enganosa’

O PSDB em São Paulo entrou com representação no Ministério Público Federal (MPF) nesta quarta-feira contra o Ministério da Saúde. Segundo o líder dos tucanos na na Assembleia Legislativa, deputado Cauê Macris, ocorreu um “superfaturamento” de Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e Unidades Básicas de Saúde (UBSs) em construção no Estado em uma propaganda veiculada em janeiro e fevereiro.

Segundo a propaganda de TV do governo federal, estavam em construção 116 UPAs e 470 UBSs. O PSDB afirma, contudo, que o site oficial do PAC informa que o número é bem menor – 25 UPAs e 333 UBSs. A bancada tucana afirma que ocorreu improbidade administrativa e pede devolução do valor gasto nas propagandas.

“O governo federal utilizou dinheiro público para bancar uma propaganda enganosa. Denunciamos este grave fato ao MPF para que as responsabilidades sejam apuradas”, disse Macris.

Fonte: ,

Deixe um comentário