Programe-se e caia na folia!

A programação oficial do carnaval, divulgada pela Secretaria de Cultura, oferece 201 opções de blocos para os brasilienses. Os derradeiros sairão no dia 10 de março. Apesar de o calendário extra-oficial ter começado em janeiro, a lista dos blocos – com informações de data, hora e local – foi lançada somente na quinta (21). A lista completa pode ser conferida em carnaval.df.gov.br.
Ao todo, 55 blocos pleitearam recursos públicos para desfilar e 49 cumpriram os requisitos estabelecidos ainda em 2018, e terão apoio financeiro. Eles foram divididos em três linhas de classificação: pequenos, para quatro mil pessoas; médios, até 10 mil; grande, até 40 mil pessoas, e de mega porte, acima de 40 mil foliões. No ano passado, cerca de 750 mil pessoas participaram das festas. A expectativa da Secult é de um público superior a 2 milhões este ano.

GALINHO – O tradicional Galinho de Brasília, que desfila desde 1992, não vai às ruas este ano. Para o presidente da Liga dos Blocos Tradicionais de Brasília, Jorge Cimas, “será uma grande perda cultural”. Ele diz que o carnaval do DF está entre os cinco maiores do País e o evento gera empregos e renda para diversos segmentos. “Mas, sem investimento justo os organizadores não conseguem proporcionar diversão com segurança”.

Pré-carnaval acontece em várias regiões administrativas desde janeiro.
Divulgação / Secretária de Cultura

Segurança reforçada

Pela primeira vez, o Centro de Integrado de Operações de Brasília (Ciob) atuará no carnaval da Capital Federal. Inaugurado em junho de 2018, o órgão estará, dos dias 2 a 5 de março, monitorando os mais de 200 blocos. O Centro é composto por 20 órgãos de governo, entre os eles Defesa Civil, Secretaria de Cultura, Metrô, CEB e forças de segurança. O Ciob fará o acompanhamento por mais de 450 câmeras de videomonitoramento espalhadas em áreas públicas do Distrito Federal. As imagens são reproduzidas em tempo real.

Plantão – Durante o período de festas, 7,5 mil policiais militares farão a segurança dos blocos. As unidades especializadas vão prestar apoio. A Polícia Civil reforçará as equipes de plantão nas delegacias próximas aos eventos. Entretanto, a Delegacia de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial, Religiosa, por Orientação Sexual, Contra a Pessoa Idosa ou com Deficiência não vai funcionar.

Identidade Infantil – O Na Hora emitiu, em parceria com a Polícia Militar e com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus-DF) carteirinhas infantis para ajudar a identificar crianças que brincam o carnaval. Durante os cinco dias serão distribuídas as pulseiras de identificação nos blocos públicos de adultos e infantis.
A recomendação da Sejus é para que as crianças sempre saiam acompanhadas de um responsável e levem um documento e o número de um telefone de contato.

Bsb Carná – Blocos de carnaval

Baratona – Cerca de 200 mil pessoas acompanharão os trios elétricos da Baratona que animarão o domingo e a terça-feira de carnaval ao som do frevo, marchinhas e muito axé no Eixo Monumental, com concentração às 14h no lado norte da Torre de TV. Os ritmos dos requebras atuais que estão conquistando a garotada jovem de Brasília e os amantes da Festa de Momo vão agitar a folia. O organizador Paulo Henrique espera que tudo transcorra tranquilo, a exemplo do ano passado, mesmo porque o bloco prega a paz durante todo o percurso. Por volta das 20h a Baratona parte rumo ao Mané Garrincha.

Baratinha – A Baratinha vai se concentrar no parquinho Ana Lídia, domingo (3) e terça (5). A organização estima a participação de mais de 60 mil crianças, pais e responsáveis em cada dia da festa. A exemplo dos anos anteriores, as crianças irão brincar no maior e mais charmoso bloco de carnaval infantil do mundo, no estacionamento do parquinho Ana Lídia. A concentração começa ao 12h e o término está previsto para as 21h. O bloco infantil foi criado pelo empresário Luiz Lima há mais de 30 anos. A animação fica por conta de DJ (12h), bandas Baratinha (16h) e Tambores da Kuzinha (18h) com repertório especialmente preparado para a garotada. As músicas favoritas dos foliões mirins estão garantidas na festa e as antigas marchinhas de carnaval também prometem contagiar os pais. Vai ter cama elástica, pula-pula, escorregador, pintura de rosto, palhaços, pipoca e muito mais. É proibido venda e consumo de bebidas alcoólicas e cigarros no local.

Bloco Baratona – Reprodução Facebook

Toca do Samba – Os sambistas do Goiabada Cascão e os irreverentes músicos do Harmonia do Sampler agitam o sábado dos moradores de Águas Claras. Os organizadores pedem para chegar cedo, pois o bloco encerra às 21h.
Local: Estacionamento em frente ao Vitrinni Shopping – Águas Claras
Dia: 2 de março (sábado)
Horário: 14h às 21h

Babydoll de Nylon – O Babydoll de Nylon volta a desfilar no carnaval de Brasília. Em 2018, o bloco decidiu não sair alegando falta de segurança para receber os foliões e de recursos do GDF.
Local: Anel externo do Mané Garrincha
Dia: 2 de março (sábado)
Hora: 13h

Bloco DesMaiô

DesMaiô – A festa começará às 6h da manhã. O Trio Papudo comanda o som com repertório variado. Os organizadores pedem que homens e mulheres vistam maiô.
Local: Setor Comercial Sul
Dia: 3 de março (domingo)
Horário: 6h

Encosta que cresce – O bloco prepara atrações quentes, djs, muita música boa e animação para o público se acabar de dançar e ajudar os foliões apaixonados a encontrar o bendito crush.
Local: Estádio Mané Garrincha
Dia: Segunda-feira (4)
Hora: 17h
Entrada gratuita

Divinas Tetas – A música Vaca Profana, de Caetano Veloso, não sai da cabeça e inspira legiões de fãs e é o lema de um bloco tipicamente brasiliense. De volta com tudo e com seu tropicalismo polêmico, o Divinas Tetas chega à sua quarta e maior edição para agitar ainda mais o carnaval 2019. No repertório não faltam nomes de peso da MPB, como Caetano, Gilberto Gil, Os Mutantes, Novos Baianos, dentre outros ícones do movimento tropicalista homenageados pelo time de 14 músicos eletrizantes.
Local: Setor Bancário Norte (estacionamento em frente ao Eixinho Norte)
Dia: Segunda-feira (4)
Hora: 14h
Entrada gratuita

Bloco Divinas Tetas

Olhos D’Água (GO) – O povoado de Alexânia (GO), a 100km de Brasília, é uma boa opção para quem quer se divertir e descansar. Os blocos organizados por famílias e amigos são garantias de diversão. No domingo (3) sairá o Bloco das Piranhas e na segunda-feira (4) será a estreia do Santinhas do Pau Ôco. A cidade tem promessa de receber público recorde este ano.

Quarta de Cinzas – A fim de juntar os cacos e ressurgir das cinzas, o bloco estará no Setor Comercial Sul a partir das 9h até às 21h. São 12 horas de folia, com o Bloco Al Vará e Filhos de Zé.

Deixe um comentário