Prioridades do GDF para 2014

O governador Agnelo Queiroz reafirmou na terça-feira (4) o compromisso com a transparência das ações do Executivo e a redução da desigualdade social no DF. Em mensagem à Câmara Legislativa do DF, lida na abertura dos trabalhos legislativos, o governador destacou o investimento de R$2,3 bilhões em 2013, praticamente o dobro do valor de 2010.

 

O governador, representado na Câmara pelo secretário de Governo, Gustavo Ponce de Léon, fez um balanço dos três anos de sua gestão.
Entre as ações destacadas no texto estão a contratação de 26,5 mil servidores; a reestruturação de 22 carreiras do serviço público; a renovação da frota de ônibus com a entrega de 1.626 coletivos até o momento; o programa “DF Sem Miséria”, que retirou 36,5 mil famílias da extrema pobreza; e a criação do “Fábrica Social”, que em menos de um ano qualificou mais de 1,3 mil pessoas.

 

“Todas essas mudanças só foram possíveis porque, junto com o vice-governador, Tadeu Filippelli, estruturamos um governo capaz de compreender os problemas por que passam o DF e sua população e apontar soluções adequadas para cada caso.”

 

O governador agradeceu o apoio da presidenta Dilma Rousseff ao GDF e a parceria com os deputados distritais. “Tenho a convicção de que meu governo e essa Casa partilham dos mesmos objetivos de realização do bem comum e da melhoria da vida das pessoas do Distrito Federal. Em 2014, temos a oportunidade de promovermos mais um ano de conquistas fundamentais para alcançar o futuro a que aspiramos”, enfatizou Agnelo.

 

De acordo com o governador, a prioridade em 2014 serão os investimentos para melhorar a infraestrutura nas áreas de saúde, educação, segurança e habitação. Confira os principais pontos da mensagem:

 

SAÚDE:

 

Investimentos – Nos três anos de governo, foram aplicados mais de três pontos percentuais acima do mínimo constitucional, estipulado em 12% das receitas estaduais e 15% das receitas municipais, e bem acima do que foi aplicado nas gestões anteriores. Em 2013, esse índice chegou a 17,29%, o equivalente a pouco mais de R$ 2,1 bilhões.

 

Carreta da Mulher – Programa que disponibiliza exames gratuitos voltados para a saúde da mulher. As quatro unidades móveis realizaram 103,3 mil exames.

 

Transplantes – O DF lidera nacionalmente os transplantes de coração, córnea, fígado e rim, com 543 intervenções realizadas até o momento.

 

UPA – Foram inauguradas quatro Unidades de Pronto Atendimento – no Núcleo Bandeirante, Recanto das Emas, Samambaia e São Sebastião.

 

EDUCAÇÃO

 

Gestão Democrática – Fortalecimento do processo de eleição de diretores, vice-diretores e conselheiros escolares em todas as unidades de ensino da rede pública.

 

Educação integral – Foram construídos seis Centro de Educação Integrada (CEI) que atendem, em tempo integral, crianças com idade entre 4 e 5 anos.

 

Cartão Material Escolar – Programa beneficiou mais de 56 mil estudantes da rede pública de ensino de famílias inscritas no Bolsa Família.

 

SEGURANÇA

 

Ação pela Vida – Programa de atuação integrada das forças de segurança foi responsável pela queda de 12,5% no número de homicídios em comparação com 2012 (693 casos em 2013 e 792 em 2012).

 

Videomonitoramento – Foram adquiridos 835 equipamentos com alto padrão tecnológico para controle e vigilância dos espaços públicos com previsão de término da instalação até maio de 2014.

 

HABITAÇÃO

 

Morar Bem – Programa habitacional já aprovou 80,8 mil candidatos, que estão prontos para formalizar a aquisição da casa própria. Além disso foi criado o programa Regularizou, É seu!, que abrange condomínios, cidades, terrenos de templos e entidades de assitência social.

 

Ocupações irregulares – Foram erradicadas cerca de 13 mil construções ilegais e efetuadas 38 prisões por grilagem de terra e 72 por invasão de área pública.

 

Mutirão das Escrituras – Programa para regularização de imóveis encaminhou ao cartório, em 2013, 18.426 escrituras.

Fonte:

Deixe um comentário