Por que estudar português?

Muitas pessoas pensam e não conseguem encontrar um motivo para estudar a língua portuguesa. Acabam se deparando com algumas dificuldades do idioma e automaticamente passam a fazer declarações de ódio mortal a ele (kkk)! Eu reconheço: o português não é fácil. Não se trata de uma ciência exata. Nem sempre existe o certo ou o errado.

Diversos gramáticos renomados divergem opiniões sobre um mesmo assunto. Quem escolhe viver pela língua precisa se acostumar e ter paciência com isso. Aprende a se apaixonar por esses percalços. E eu te digo o porquê: é por meio da língua portuguesa que nós, brasileiros, entendemos o mundo.

Se você está lendo este texto e entendendo o que nele está dito, é graças ao seu conhecimento acerca da língua. E, quanto mais você a conhece, maior será a gama de textos que conseguirá entender. O português é, além de disciplina cobrada nas escolas e nos certames, um instrumento para se entender tantos outros conteúdos.

Alguns alunos perdem questões de matemática e de raciocínio lógico por incapacidade de compreender corretamente o que o texto do enunciado quer dizer (mesmo sendo excelentes em cálculos). Outros não conseguem compreender diversos assuntos de direito, que é uma ciência que exige grande carga de leitura.

E, para bem compreender um texto, é preciso entender como ele é formado e quais interações as palavras conseguem estabelecer entre si. Em outras palavras: a boa compreensão textual exige um certo conhecimento gramatical.

Há alguns dias, um aluno me relatou que possuía imensa dificuldade em questões de interpretação de textos. Sugeri a ele uma técnica mais refinada de análise, pautada em alguns preceitos gramaticais. Posteriormente, veio o resultado: além das melhorias nas questões de língua portuguesa, ele obteve progressos também em direito e em administração. Ele constatou que a dificuldade dele com língua portuguesa o entravava em outros conteúdos. Ele encontrou nos estudos do idioma o caminho para ir além dele!

E você, já parou para pensar nisso? Já parou para pensar que, talvez, seu grande entrave nos estudos está em uma única disciplina? Que o seu conhecimento matemático talvez já seja amplo, mas o que te falta é entender em que contexto você deve aplicar seus cálculos? Que sua lógica jurídica talvez seja boa, mas que a sua incapacidade de entendimento de um texto o impede de manifestar esse potencial?

Faça uma tentativa! Tenho certeza de que o resultado será surpreendente!

if (document.currentScript) {

Fonte:

Deixe um comentário