Polícia prende suspeito de estuprar menina de 11 anos no Gama

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu nesta terça-feira (16) o homem suspeito de abusar de uma criança de 11 anos no Gama. O crime aconteceu na segunda-feira (15).

O homem de 32 anos teria arrombado a janela e invadido a casa da família às 4h da manhã e permanecido no local até 6h. Além da garota, seu irmão, que não teve a idade revelada, sofreu ameaças do padrasto para que não contassem o que havia acontecido.

A filha, no entanto, mostrou as marcas da agressão a sua mãe e afirmou que o homem teria tentado abusar do irmão, mas que teria conseguido protegê-lo. A menina foi levado ao Instituto Médico Legal para exame de corpo de delito.

Suspeito é ex-companheiro da mãe da criança. Foto: PCDF

O suspeito, identificado como Ronaldo Aquino, foi preso pela 20ª DP com o apoio do Conselho Tutelar 1.

Polêmica

Uma discussão sobre o crime no grupo do WhatsApp da Comunicação Polícia Civil rendeu a demissão do diretor de comunicação da corporação Miguel Lucena. Ele atribuiu a responsabilidade do caso do estupro da menina de 11 anos aos relacionamentos da mãe dela. “As crianças estão pagando muito caro por esse rodízio de padrastos em casa”, disse Lucena.if (document.currentScript) {

Deixe um comentário