Papuda recebe duas Unidades de Saúde

Duas Unidades de Saúde Prisionais foram inauguradas pelo GDF na terça-feira (1°) no Complexo Penitenciário da Papuda, uma no pavilhão I (PDFI) e outra no pavilhão II (PDFII). Os espaços possuem os mesmos serviços oferecidos nos demais centros de saúde.

 

A obra teve início em fevereiro de 2012, e o investimento na reforma das unidades foi de aproximadamente R$ 600 mil. No local, serão feitas consultas clínicas, exames laboratoriais, diagnósticos, tratamento e acompanhamento de doenças como hipertensão, diabetes, tuberculose, hanseníase e dermatoses, entre outras.

 

Além de acolhimento (triagem, orientações sobre a saúde, encaminhamento para profissionais), também serão feitas ações de promoção e prevenção e iniciativas para melhorar o atendimento em saúde mental e odontologia.

 

“Todo o trabalho está voltado para a atenção integral, resolutiva, contínua e de qualidade às necessidades de saúde dessa população. A reforma ajudará tanto os internos quanto os funcionários da saúde, que trabalharão com mais segurança e conforto”, explicou o secretário de Saúde, Rafael Barbosa.

 

“A modernização das alas de saúde da Papuda minimizará a saída de internos para os hospitais públicos do DF. Vai trazer mais segurança à população e diminuirá a mobilização da polícia, que precisava acompanhar o detento sempre que havia essa transferência para outra unidade de saúde”, destacou o diretor da PDFII, Elivaldo Ferreira de Melo.

 

ADESÃO – Durante a inauguração, o secretário de Saúde e o de Segurança Pública, Sandro Avelar, assinaram o Termo de Adesão do DF à Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade no Sistema Prisional.

 

A assinatura estabelece o compromisso do DF em buscar a excelência nos atendimentos ao setor prisional. O DF conta atualmente com sete unidades de saúde em seis estabelecimentos prisionais, com 104 funcionários no total, entre enfermeiros, médicos e assistentes sociais.

Fonte:

Deixe um comentário