Pai manda matar filha homossexual

 Dione Wagner Santos Silva é acusado de matar Edna Fernandes Liocádio. De acordo com a denúncia, Dione teria matado a mulher a pedido do pai da vítima, que não aceitava a homossexualidade da filha. Gonçalves Liocádio – o pai, e o filho dele, Eudes Fernando Liocádio, chegaram a ser denunciados, mas faleceram antes do julgamento.


O crime teria ocorrido na noite de 7/11/2004, em um bar do Setor Oeste do Gama. Dione e outro rapaz efetuaram diversos disparos de arma de fogo contra Edna, que morreu na hora.


A promessa de um pagamento de R$ 300 teria motivado Dione a cometer o homicídio. O suspeito será julgado no Tribunal do Júri do Gama na manhã desta quinta-feira (17/01).


Fonte: Correio Braziliense

Sites e Blogs

Deixe um comentário