Ônibus executivos têm adesão tímida

Moradora do Sudoeste, a servidora pública Marielce Martins aprovou o novo serviço: 'Eu mereço conforto' (Bruno Peres/CB/D.A Press)
Moradora do Sudoeste, a servidora pública Marielce Martins aprovou o novo serviço: “Eu mereço conforto”

Os micro-ônibus executivos que ligam o Sudoeste à Esplanada dos Ministérios começaram a circular ontem. O objetivo da nova linha é diminuir a quantidade de carros que circulam pela área central de Brasília. Para os passageiros, a novidade surge como opção para escapar dos engarrafamentos e de estacionamentos lotados, com conforto e segurança. Os novos ônibus têm poltronas reclináveis, ar-condicionado, bagageiro interno, frigobar e internet gratuita. Eles foram testados e aprovados pela servidora pública Marielce Santos Martins, 67 anos.

A participação da população no primeiro dia foi tímida — alguns micro-ônibus circularam vazios, entre as 8h e ao meio-dia. A pouca divulgação, a chuva e o período de férias de muitos servidores públicos foram apontados como alguns dos motivos da baixa adesão ao serviço pelo Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans) — o balanço do número de passageiros no primeiro dia não foi divulgado.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário