Novas regras na compra de ingressos de futebol

A venda dos 27 mil ingressos para a partida de amanhã (7) entre Flamengo e Portuguesa começou, e será restrita a até três por CPF, comprados por cartão de crédito, com o objetivo de evitar fraudes.

“O torcedor poderá comprar apenas três ingressos por cartão de crédito. Infelizmente as pessoas de bem serão prejudicadas para evitarmos as ações de falsários”, afirmou hoje o assessor do Flamengo, Roberto Pinto.

Apesar da mudança, os ingressos desse jogo serão mais baratos que os da partida anterior, entre Flamengo e Atlético-MG, e custarão R$ 120 para arquibancada inferior e R$ 160 a inteira, para área VIP – antes os mesmos lugares custaram R$ 180 e R$ 260, respectivamente.

A meia-entrada é válida para pessoas com mais de 60 anos, menores de 21 anos, estudantes, professores, funcionários públicos, doadores de sangue, policiais, pessoas com deficiência e acompanhantes.

A partida será realizado às 21h no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, contudo, o anel superior não estará disponível, em razão da expectativa de público por parte da direção do time rubro-negro, pois é o primeiro jogo disputado em um dia de semana.
PRISÃO – Com a divulgação da quadrilha presa no domingo (4) pela falsificação de ingressos para o jogo Flamengo contra Atlético-MG, poucos foram os torcedores que tentaram entrar no Estádio Nacional de Brasília com os ingressos falsos.

Os que foram detectados (a assessoria do Flamengo não divulgou o número) tiveram que adquirir um novo tíquete na bilheteria.

A assim ressaltou que o Flamengo tem tecnologia para rastrear e detectar a fraude, por isso, orientou os torcedores a não comprar ingressos de cambistas.

 

Fonte:

Deixe um comentário