MP DO FLAMENGO?

Em outra ação fora das 4 linhas, a diretoria do Flamengo veio a Brasília e agiu junto ao presidente Jair Bolsonaro, que assinou uma Medida Provisória que mudou o modelo de direitos de transmissão de jogos no Brasil e afetou diretamente o Campeonato Carioca.

Com a MP, o Flamengo, que não havia chegado a um acordo com a Rede Globo, poderia, como qualquer outro clube, transmitir ou negociar a transmissão dos seus jogos em casa, a exemplo do que fez em duas partidas anteriores.

Mas até poucas horas antes, o próprio Flamengo alegava que a transmissão do Fla x Flu deveria ser compartilhada entre os clubes, por se tratar de uma final. O regulamento do Carioca diz que o mando de campo para a final da Taça Rio seria decidido em sorteio, e o Fluminense ganhou.

A vitória do Tricolor nos tribunais, garantindo o direito da transmissão exclusiva pela FluTV, bateu o recorde da audiência em lives no Brasil. Foram mais de 3 milhões de visualizações, mais do que as lives de Marília Mendonça e Jorge e Matheus, que eram as duas de maior audiência até então. (GP)

Deixe um comentário