Mourinho insinua fraude em eleição da Fifa: “voto apareceu em outro”

O treinador José Mourinho não foi à entrega da Bola de Ouro deste ano. O português deu seus motivos: insinuou de que possa existir fraude na votação. O espanhol Vicente del Bosque, técnico da Fúria, levou o prêmio.

“Se estou arrependido por não ter comparecido ao evento? Não. Foi a decisão certa. Ligaram-me mais do que uma, duas ou três pessoas dizendo que votaram em mim e o voto apareceu em outro. Então, decidi não ir”, disse o técnico do Real Madrid em entrevista à RTP, emissora portuguesa.

A entrevista ainda nem foi publicada, mas a Fifa já reagiu e desmentiu qualquer irregularidade na premiação. Na premiação do ano passado, o capitão da seleção de Macau, Geofredo Cheung, revelou que não tinha votado, mas na relação final da Fifa, ele tinha escolhido Casillas como Melhor Jogador do Mundo.

No dia seguinte, o treinador de Macau, o chinês Leung Sui Wing, disse que votou por Geofredo por engano.

Fonte:

Deixe um comentário