Motorista não pode ser punido se recusar fazer teste de embriaguez, diz PGR

A Procuradoria-Geral da República (PGR) deu parecer contrário à punição administrativa de motoristas que se recusam a fazer teste de embriaguez ao volante. O documento é assinado pela subprocuradora-geral Deborah Duprat e integra três ações que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF).

Fonte: Correioweb

Deixe um comentário