Ministério quer cobrar da CEB prejuízos por explosão

O Ministério das Comunicações se reúne na tarde desta quarta-feira (20/2) com a Companhia Energética de Brasília (CEB) para verificar como será o ressarcimento dos prejuízos que o prédio teve com o princípio de incêndio ocorrido nesta última terça-feira (19/2), como danos à fiação. O elevador privativo dos ministros, por exemplo, não está funcionado.

O bloco R da Esplanada dos Ministérios está funcionando totalmente com geradores de energia da CEB, instalados do lado de fora do prédio. O acidente atingiu a subestação da CEB que fica no segundo subsolo do prédio. Nesta quarta-feira (20/2), equipes do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Distrito Federal (Crea-DF) e da Defesa Civil estiveram no prédio e detectaram que não há danos estruturais nem riscos de ocupação do local.


As redes telefônicas e a internet dos dois ministérios ainda não estão funcionando, porque os equipamentos dependem de uma refrigeração adequada para serem religados, o que deve ser normalizado no final da tarde.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário