Marcha contra a destruição do Brasil e em defesa do clima

No Brasil e no mundo, o protesto chamou atenção pelo número de crianças. Crédito: RBA

Milhares de pessoas foram às ruas das principais cidades brasileiras, sexta-feira (20), protestar contra “a destruição do País”, numa iniciativa das centrais sindicais. “Até agora, o governo Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, só apresentaram propostas para beneficiar empresários. Para a classe trabalhadora e os mais pobres, sobram ataques aos direitos e o extermínio de políticas públicas.

O governo já anunciou cortes no Minha Casa, Minha Vida, avisou que vai privatizar 17 estatais e caminha para aprovar a reforma da Previdência, que restringe o acesso à aposentadoria e outros benefícios.
Em defesa da aposentadoria

As manifestações de sexta-feira foram agendadas proximamente à data da votação da reforma da Previdência no Senado, marcada para terça-feira (24). A data também foi escolhida para convergir com o dia de mobilização internacional pelo clima, organizado por uma articulação composta por diversos coletivos que debatem e promovem ações e combate às mudanças climáticas.

Deixe um comentário