Jornais estrangeiros destacam manifestações

Pelo segundo dia consecutivo, os principais jornais internacionais destacaram, nas publicações impressas e online, as manifestações ocorridas em várias cidades do Brasil. O jornal francês Le Mondepromoveu um debate com especialistas em Brasil sobre o que está por trás dos protestos. O espanhol El Paísmanteve, na primeira página, uma reportagem sobre a violência registrada em São Paulo.

reportagem do El País diz que a manifestação, em São Paulo, demonstrou no geral “um exemplo de maturidade cívica”, mas informa também que houve momentos de violência. O texto menciona a manifestação da presidenta Dilma Rousseff em “repúdio à corrupção e uso indevido do dinheiro público”. Há uma galeria de fotos com imagens de manifestantes em várias cidades do país.

O jornal britânico The Guardian relata em detalhes o protesto em São Paulo, mas menciona que houve manifestações em mais, pelo menos, 12 cidades brasileiras.

O texto do The Guardian ressalta o respeito do governo brasileiro aos protestos, mas indica que houve “confrontos sangrentos”. A reportagem também inclui análises de especialistas, como Lúcio Flavio Rodrigues de Almeida, professor de sociologia da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

No jornal francês Le Monde, foi promovido um debate sobre os episódios ocorridos no Brasil com a seguinte pergunta: Como explicar os eventos no Brasil?. Participam das discussões Jean Hebrard e Claudia Fonseca Damasceno, diretores do Centro de Investigação sobre Contemporânea e Brasil Colonial.

Fonte:

Deixe um comentário