‘Jesus Cristo’ da Via Sacra é condenado

Sentenciado por desvio de merenda escolar, o ator que interpreta o papel principal da Paixão de Cristo está mantido no espetáculo do dia 29, mas pode ser afastado no próximo ano. Saulo acredita que seu sofrimento o aproxima do que passou o filho de Deus

Saulo Gonçalves: 'Assim como Cristo, que foi condenado, morto e ressuscitou, acredito que tudo vai passar' (Janine Moraes/CB/D.A. Press)
Saulo Gonçalves: “Assim como Cristo, que foi condenado, morto e ressuscitou, acredito que tudo vai passar”

Estrela de um espetáculo cristão acompanhado por cerca de 200 mil pessoas, Saulo Humberto Soares Gonçalves, 40 anos, foi condenado a 2 anos e 4 meses por peculato, no começo deste ano. Intérprete de Jesus na Via Sacra de Planaltina, ele foi acusado, em 2011, de desviar merenda escolar para doações ilegais. Afastado do cargo de diretor do Centro de Ensino Fundamental 4, continua interpretando a figura central na encenação da maior via-crúcis do Distrito Federal, no Morro da Capelinha. A história de fé, poder e corrupção é discutida nos bancos de praças de toda a cidade e divide a opinião dos moradores.


Com medo de que a festa, que este ano completa 40 anos de tradição, tenha a reputação abalada pelo escândalo, o padre responsável pela Via Sacra, Paulo Renato, não exclui a possibilidade de Saulo ser afastado do papel nos próximos espetáculos.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário