Israel declara alerta máximo em suas legações diplomáticas

País teme represálias terroristas após ataque aéreo na fronteira Líbano-Síria

Israel estacionou várias baterias antiaéreas no norte do país contra um possível ataque com mísseis procedente do Líbano ou da Síria

Israel estacionou várias baterias antiaéreas no norte do país contra um possível ataque com mísseis procedente do Líbano ou da Síria (Baz Ratner/Reuters)
Israel declarou estado de alerta máximo em todas suas embaixadas e legações diplomáticas no exterior após a divulgação de informações de que a Força Aérea israelense atacou uma instalação militar em território sírio nesta semana. O grupo terrorista Hezbollah, o governo do Irã e da Síria já advertiram que haverá represálias contra o ataque com descrições contraditórias.
Todos os funcionários nas representações diplomáticas receberam a ordem de alarme de Jerusalém, informou nesta sexta-feira o jornal Yedioth Ahronoth, por temor que sejam alvo de algum tipo de vingança dos aliados do regime de Bashar Assad. A segurança foi reforçada nas sedes e em nível individual, acrescentou o jornal.
Fonte: Veja Online
Sites e Blogs

Deixe um comentário