Instabilidade na Itália afeta Portugal

O mercado financeiro internacional mantém sinais de insegurança quanto ao destino das economias de Portugal, da Itália, Grécia e Espanha – países do sul da Europa que, assim como a Irlanda, estão em grave recessão. Nessa terça-feira (26/2), os juros da dívida de Portugal, da Itália, Espanha e Grécia, que remunera eventuais credores de títulos soberanos, subiram acentuadamente por causa da indefinição sobre o novo governo da Itália, após os resultados das eleições parlamentares de domingo (24/2).


A taxa de remuneração da dívida lusitana de curto prazo (dois anos) subiu 0,4 ponto percentual, o mesmo efeito se observou nos títulos que vencem em cinco e em dez anos.


Fonte: Agência Brasil

Sites e Blogs

Deixe um comentário